fbpx

Neste artigo damos 6 ideias para oferecer carne de vaca a um bebé a partir dos 6 meses.

A carne de vaca representa risco de engasgo para bebé e crianças pequenas e por isso muitos pais têm receio de oferece-la e acabam por prolongar a oferta da carne triturada na sopa.

Mas há formas seguras de oferecer a carne de vaca a bebés a partir dos 6 meses e explicamos como em baixo.

A carne de vaca é uma das melhores fontes de ferro que existe. É fonte de ferro heme, e por isso facilmente absorvido pelo organismo (ao contrário das fontes vegetais).

Por isso pode (e deve!) ser introduzida na alimentação do bebé desde o primeiro dia da introdução da alimentação complementar, mais ou menos aos 6 meses.

Sim, isso mesmo! Não tem de começar a introdução aos 6 meses com carnes brancas e só mais tarde oferecer a carne de vaca. Isto é uma recomendação desatualizada.

E porquê é tão importante começar a alimentação complementar com alimentos ricos em ferro? O bebé nasce com uma reserva de ferro que se esgota por volta dos 6 meses (em alguns bebés como prematuros por exemplo, essa reserva esgota-se antes) e o leite materno é pobre em ferro.

6 formas de oferecer carne de vaca a um bebé a partir dos 6 meses

Carne picada

carne com abóbora e feijão

Adoro comida de uma só panela! E é uma forma maravilhosa de oferecer textura à alimentação do bebé desde os 6 meses. Faça a carne picada estufada com algum cereal, leguminosa, tubérculo e vegetais (clique na foto para ver uma receita). Outra opção é bolonhesa de carne. Pode ainda fazer a carne picada refogada e oferecê-la separadamente na colher.

O importante é certificar-se que a carne está bem picada e não há pedaços grandes no prato do bebé.

Hambúrgueres

O hambúrguer é também uma ótima forma de oferecer carne ao bebé. É uma “finger food” excelente. É muito fácil da/o bebé agarrar e levar à boca sozinha/o. Pode fazer apenas carne ou acrescentar vegetais, como ensinamos aqui no site. Faça mini-hambúrgueres ou corte uma tira de um hambúrguer e ofereça ao bebé. Certifique-se sempre que o hambúrguer está bem passado por dentro.

Outra opção muito semelhante ao hambúrguer são almôndegas ou rolo de carne. O rolo de carne só precisa cortar uma tira fina para o bebé. Há uma receita de rolo de carne deliciosa no site.

Croquetes

Outra finger food fantástica, os croquetes são macios por dentro e por isso ótimos para oferecer a bebés. Pode fazer só com carne, usar carne e algum cereal ou tubérculo. Pode também acrescentar um ou mais vegetais.

Paté de carne

Triture carne com leite materno, um pouco de azeite, especiarias e servir numa colher ou barrado numa tira de pão (uma camada bem fina). Use a receita de paté de fígado que temos no site e substitua parte ou a totalidade do fígado por carne de vaca.

Carne Desfiada

A carne desfiada é uma forma muito segura de oferecer carne de vaca ao bebé. Só precisa cozer a carne até estar tão macia que se desfia com facilidade – a panela de pressão é excelente para isto – e depois picar com um garfo e faca. Assim que o bebé começar a fazer a pinça fina, pode oferecer pedaços maiores.

Bife

Com o bife é precisa ter mais alguns cuidados. Corte uma tira contra as fibras da carne, retire qualquer pedaço que se solte facilmente ou gordura e grelhe até ficar bem passado. O bebé vai chuchar o bife e retirar os sucos da carne mas não é suposto conseguir tirar pedaços do bife. Pedaços que se soltam podem representam risco elevado de engasgo por isso é preciso ter muito cuidado com o pedaço de carne que usa.

E só uma nota final: Nunca deixe o seu bebé comer sem um adulto a vigiar (Isto é válido com qualquer alimento). Se um pedaço grande se soltar na boca do bebé fique a observar e deixe o bebé resolver por si mesmo. Se não conseguir, intervenha. Tentar tirar um pedaço grande da boca do bebé, pode empurrar o pedaço para dentro e tornar uma situação sem risco numa situação de engasgo. Espreite o site para ver quais são os sinais de engasgo!

Aviso

O conteúdo oferecido no blog comidadebebe.pt é puramente para fins informativos. O comidadebebe.pt não se dedica a fornecer aconselhamento profissional, seja médico ou outro, para usuários individuais ou para os seus filhos ou famílias. Nenhum conteúdo deste site, independentemente da data, deve ser usado como um substituto do conselho de um médico ou profissional de saúde, nutricionista ou especialista em alimentação e alimentação pediátrica. Ao acessar o conteúdo em comidadebebe.pt, reconhece e concorda que aceita a responsabilidade pela saúde e bem-estar de seu filho ou familiar. Em troca de fornecer-lhe uma série de informações sobre alimentação e nutrição infantil, introdução da alimentação complementar e receitas, você renuncia a quaisquer reclamações que você ou seu filho possam ter como resultado da utilização do conteúdo que está no comidadebebe.pt.

%d bloggers like this: