fbpx

O bebé pode beber água?

O conteúdo deste artigo é destinado apenas para fins informativos e educacionais e não se destina a substituir recomendações do médico pediatra.

Água antes dos 6 meses

Veja: Guia Completo de Introdução da Alimentação Complementar

Bebés antes dos 6 meses que são exclusivamente amamentados não precisam de água, mesmo em climas muito quentes, uma vez que o leite materno (em livre demanda) oferece a quantidade de água necessária para o bebé se manter hidratado. O leite materno contém mais de 80% de água, especialmente o primeiro leite que vem com cada mamada1

Se der fórmula ao seu bebé, ele também não precisa de água além da fórmula antes dos seis meses. De acordo com o site da HealthChildren.org, adicionar mais água à fórmula, além da quantidade que está nas instruções de preparo, reduz a quantidade de nutrientes que o bebê receberá a cada mamada. Isto pode retardar o crescimento e o desenvolvimento. Água adicional também interfere com o equilíbrio eletrolítico, o que pode causar convulsões. Portanto, misture sempre a fórmula conforme as instruções do fabricante e nunca adicione mais água, mesmo que esteja muito calor.  

Por que não posso dar água a um bebê antes dos 6 meses, mesmo quando está muito calor?

Dar água a bebés pode pô-los em risco de desnutrição. O estômago dos bebés é muito pequeno e enche muito depressa. Dar água pode fazer com que o bebê beba menos leite materno ou pare de amamentar precocemente podendo causar desnutrição. A água antes dos 6 meses pode reduzir a produção de leite da mãe: se a mãe oferecer água em vez de amamentar, o bebé irá mamar menos e isso fará com que a mãe tenha menos leite no futuro.

E água depois dos 6 meses?

Depois dos 6 meses e até aos 12 meses, durante a introdução da alimentação complementar, e se o bebé continuar a ser amamentado em livre demanda, o bebé só vai precisar de água às refeições para ajudá-lo a comer e engolir a comida. Em dias muito quentes ou se sentir que o bebé tem sede, a mãe pode dar de mamar com mais frequência.

Os bebés que não são amamentados, os bebés que são amamentados mas não em livre demanda ou bebés mais velhos e crianças precisam obter fluidos de outras fontes. De acordo com dados da OMS, bebés não amamentados e crianças pequenas precisam de pelo menos 400-600 ml por dia de líquidos extras, além dos 200-700 ml por dia de água que se estima vir do leite e outros alimentos. Em climas mais quentes essa quantidade é superior (800-1200 ml por dias).

Ofereça água ao seu bebé ou criança várias vezes por dia para garantir que ela ou ele estão hidratados. Uma dica para bebés mais velhos e crianças é ter sempre um copo à mão da criança para que ela possa ir bebendo. Comece por dizer à criança para beber água ao longo do dia e oferecer a água caso ela ainda precise de ajuda, ou caso se esqueça de beber água ou pedir.

Opções de copos para bebés

Se dá biberão ao seu bebé e ele ou ela tem menos de 12 meses, então pode oferecer água no biberão.

No entanto, evidência sugere que a utilização de copo aberto para líquidos além do leite materno, tem se mostrado uma habilidade segura e facilmente aprendida na infância2. Lembre-se que o princípio da alimentação responsiva até na parte de oferecer líquidos!

Um copo pequeno aberto ou chávena de café espresso (sempre com supervisão) é a melhor opção para as refeições. No início, o bebé vai precisar que segure o copo para ela ou ele beber a água, mas à medida que cresce vai aprendendo a levar o copo à boca e muitos bebés antes dos (ou por volta dos) 12 meses já conseguem beber água de copos ou chávenas sozinhos! 

Bebé em fase de introdução da alimentação complementar a beber água de um copo aberto com a ajuda da mãe.

Se quer uma opção para levar na rua, ou se prefere não dar água ao seu bebé em copo aberto, há alguns copos que são ótimos para o bebé beber água e ainda promovem a independência do bebé porque ele pode beber por ele. Deixamos aqui duas sugestões:

Copos 360 – São copos que os bebés podem pegar com as mãos e que só vertem água quando o bebé pressiona o copo com a boca, sendo uma ótima opção para beber em casa ou levar para passeios.

Copo com palhinha incorporada – Copos para crianças mais velhos (que já consigam beber de palhinha). São ótimos porque também não vertem água e podem ser levados na mochila ou lancheira. Há também opções da Chicco e Phillips Avent.

E sumo natural de fruta?

Bebés antes dos 12 meses não devem tomar sumo de fruta natural, mesmo que sem açúcar.

Sumos de fruta naturais têm alto índice glicêmico e as crianças que ingerem grandes quantidades de sumo (natural ou não) têm risco de obesidade acrescido no futuro. Pense que são precisas 2 a 3 laranjas para fazer um copo de sumo apenas. E um copo de sumo bebe-se com muita facilidade! Mas quantos bebês ou mesmo crianças conseguem comer 2 ou 3 laranjas inteiras de seguida?

A partir de 1 ano os sumos naturais de fruta (100% fruta sem açúcar adicionado), podem fazer parte de uma dieta balanceada e devem ser oferecidos com moderação. Prefira sempre oferecer a fruta in natura e oferecer água para acompanhar refeições ou hidratar o bebé.

Sumos de fruta industrializados, mesmo que digam que não tem açúcar adicionado, não são o mesmo que um sumo de fruta natural e não são recomendados a bebés e crianças pequenas.

Notas:

1Esse é um dos motivos que a OMS recomenda que as crianças sejam amamentadas exclusivamente durante os primeiros 6 meses de vida.

2Howard et al., 2003; Lang, Lawrence e Orme, 1994

Fontes: OMS, American Association of Pediatrics, Health Canada, HealthyChildren.org, DGS

Aviso

O conteúdo oferecido no blog comidadebebe.pt é puramente para fins informativos. O comidadebebe.pt não se dedica a fornecer aconselhamento profissional, seja médico ou outro, para usuários individuais ou para os seus filhos ou famílias. Nenhum conteúdo deste site, independentemente da data, deve ser usado como um substituto do conselho de um médico ou profissional de saúde, nutricionista ou especialista em alimentação e alimentação pediátrica. Ao acessar o conteúdo em comidadebebe.pt, reconhece e concorda que aceita a responsabilidade pela saúde e bem-estar de seu filho ou familiar. Em troca de fornecer-lhe uma série de informações sobre alimentação e nutrição infantil, introdução da alimentação complementar e receitas, você renuncia a quaisquer reclamações que você ou seu filho possam ter como resultado da utilização do conteúdo que está no comidadebebe.pt.

Um comentário em “O bebé pode beber água?

Leave a Reply

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo
Follow by Email
%d bloggers like this: