fbpx

O meu bebé pode comer espinafres?

A alimentação infantil é algo em que não há consenso: há médicos que recomendam só começar a introduzir sólidos aos 6 meses (mesma recomendação da OMS), outros recomendam a partir dos 4 meses. Alguns profissionais sugerem introduzir um alimento de cada vez, outros sugerem que não é preciso seguir uma ordem nem esperar entre alimentos. Alguns sugerem começar a introdução da alimentação complementar apenas com sopas e papas, outros recomendam fazer baby led weaning.

Um alimento que está longe de ter consenso sobre a sua introdução na dieta dos bebés é o espinafre. Sabe porquê? Explicamos tudo em baixo.

Porque não há consenso sobre quando introduzir o espinafre

O espinafre, em particular o espinafre cru, juntamente com a beterraba e alguns outros vegetais, contém níveis elevados de nitratos, que se consumidos muito regularmente, podem afetar negativamente os níveis de oxigênio no sangue do seu bebé.

Então é preciso esperar até aos 12 meses para introduzir espinafres?

Por causa do nível elevado de nitratos, alguns médicos sugerem esperar até que o bebé tenha 12 meses para introduzir os espinafres. O mesmo acontece com a beterraba, nabiças e outros vegetais ricos em nitratos.

No que diz respeito a evidência científica, não existe nenhuma evidência que justifique a proibição da introdução de folhas verdes escuras para bebés com mais de 6 meses de idade.1

Se tem dúvidas ou receios, o melhor é sempre consultar o pediatra do seu filho, e se a deixar mais segura esperar até aos 8, 10 ou mesmo 12 meses para introduzir espinafres na alimentação do seu bebé.

Como oferecer espinafre de forma segura ao bebé?

Para reduzir a quantidade de nitratos no espinafre é importante que coza os espinafres em água sem nenhum outro alimento e descarte a água. Outra opção é usar espinafres congelados.

Quer escolha espinafres frescos ou congelados, dê preferência a espinafres biológicos uma vez que os espinafres estão no topo da lista de alimentos com mais pesticidas.

Como todos os alimentos, mas em especial com alimentos ricos em nitratos como o espinafre e a beterraba, é importante oferecer variedade e garantir que o bebé não está a comer muito espinafre.

O espinafre é um alimento saudável para bebés e crianças?

Sim! O espinafre, assim como vegetais de folhas verdes escuras (não incluindo a alface), são muito importantes na alimentação de bebés, crianças e adultos por serem cheios de fibras (permite que o intestino funcione de forma saudável), anti-oxidantes, ferro, magnésio, potássio e cálcio.

O espinafre, mais especificamente, é rico em vitaminas A, C, E e K (protege os ossos; anti-inflamatório)2.

Por causa de seu alto teor de anti-oxidantes, os vegetais de folhas verdes escuras podem ser um dos melhores alimentos na prevenção do cancro.3 Estudos mostram que comer 2 a 3 porções de vegetais de folhas verdes escuras por semana pode diminuir o risco de cancro de estômago, mama e pele. Esses mesmos anti-oxidantes também diminuem o risco de doenças cardíacas.3

Cuidados a ter na oferta de espinafres ao bebé

Coza os espinafres separadamente e descarte a água. Para sopas, coza o espinafre separadamente e adicione apenas antes de triturar.

Opcionalmente pode usar espinafres congelados.

Opte por usar apenas espinafres biológicos, uma vez que os espinafres estão no topo da lista dos alimentos com mais resíduos de pesticidas.4

Ofereça-os picados ou triturados em sopas ou purés. Embora não façam parte da lista de alimentos que possam causar asfixia, os bebés e crianças pequenas podem engasgar com folhas grandes.

Se não consegue encontrar espinafres biológicos ou são muito caros, substitua-os por brócolos, couve-flor ou ervilhas que têm pouco resíduo de pesticidas.

Ideias para oferecer espinafres ao bebé

Omelete de espinafres

Pataniscas de espinafres

Esparregado (não usar leite para bebés com menos de 12 meses)

Espinafres salteados com cebola

Fontes:
Aviso

O conteúdo oferecido no blog comidadebebe.pt é puramente para fins informativos. O comidadebebe.pt não se dedica a fornecer aconselhamento profissional, seja médico ou outro, para usuários individuais ou para os seus filhos ou famílias. Nenhum conteúdo deste site, independentemente da data, deve ser usado como um substituto do conselho de um médico ou profissional de saúde, nutricionista ou especialista em alimentação e alimentação pediátrica. Ao acessar o conteúdo em comidadebebe.pt, reconhece e concorda que aceita a responsabilidade pela saúde e bem-estar de seu filho ou familiar. Em troca de fornecer-lhe uma série de informações sobre alimentação e nutrição infantil, introdução da alimentação complementar e receitas, você renuncia a quaisquer reclamações que você ou seu filho possam ter como resultado da utilização do conteúdo que está no comidadebebe.pt.

Leave a Reply

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo
Follow by Email
%d bloggers like this: