fbpx

Neste artigo dou várias ideias de snacks que pode levar as férias com bebés e crianças pequenas. Dou ideias que servem para quem viaja para uma casa com cozinha ou para quem vai para um hotel e não tem onde conservar a comida.

A primeira vez que fomos de férias com a Madalena, ela tinha 8 meses. Estava completamente perdida. Fomos para um hotel, então não tinha onde conservar comida congelada. Confiei que saberiam fazer uma papa de aveia no hotel. Confiei que os restaurantes teriam sempre comida para ela, mas qual não foi a minha surpresa quando não faziam comida sem sal. O melhor que consegui foram batatas e cenouras cozidas em um restaurante. Até a carne não é tão simples assim, porque alguns bifes também não são apropriados em BLW porque soltam pedaços grandes.

Nessas férias recorri muito à maminha. Mas depois dessa vez comecei a planear muito melhor as nossas férias em família. Para mim, até a Madalena ter 1 ano, planear todas as refeições dela ajudou-me muito. Depois dela ter 1 ano, deixei de planear, mas levava sempre muitos snacks prontos e algumas coisas congeladas para SOS.

Deixo aqui uma lista de mais de 30 snacks que pode levar para férias com bebés pequenos. A lista é pensada em bebés com menos de 12 meses. Com bebés mais velhos e crianças pequenas, há mais opções

No Ebook “Pratinhos de Verão”, temos uma lista extensa de alimentos e marcas aprovadas para bebés e crianças por idade. Saiba mais aqui.

Snacks e lanches de compra para bebés

Boiões de sopa (procure marcas com ingredientes naturais apenas e sempre com uma fonte de ferro)

Purés de fruta para beber

Purés de frutas e cereais para beber

Iogurte líquido natural sem açúcar (marca Pingo Doce “Como antigamente” ou Mercadona)

Papas instantâneas fortificadas (Não conseguindo garantir que o bebé tem refeições completas e nutritivas, estas papas infantis podem ser um grande aliado nas férias)

Papas de cereais instantâneas (misturar apenas com leite ou água)

Bolachas para bebés com menos de 12 meses (escolha sem açúcar e com baixo teor de gordura saturada)

Bolachas de arroz ou milho (desde que sejam extra finas e sem sal)

Snacks e lanches caseiros

Se tiver onde conservar a comida (um mini-frigorífico no quarto ou uma cozinha com frigorífico e congelador), o ideal é levar alimentos prontos. Pode fazê-los na véspera, leva-los refrigerados e depois congelar quando chegar. Ou fazer com mais antecedência e levar congelados, garantindo que não descongelam no caminho.

Congele tudo em frascos de doses individuais para cada uma das refeições. Evita mexer na comida descongelada mais do que uma vez. Depois pode usá-los à media que for decidindo as refeições ou pode planear as refeições todas do bebé para esses dias de férias.

Sopa com proteina

Feijão cozido

Arroz

Proteina cozida e desfiada ou picada (carne picada, peixe desfiado, frango desfiado e picado)

Croquetes de millet

Croquetes de batata-doce e pescada

Hambúrgueres de peru

Pataniscas de espinafres

Muffins de banana e mirtilos

Muffins de alfarroba

Muffins de manga e maçã

Panquecas de banana

Panquecas de cenoura e pera

Panquecas de ervilhas

Ter frascos pequenos para congelamento de doses individuais é uma ótima opção para quem tem bebés e crianças pequenas.

Além disso, eu gosto de levar coisas que não encontro tão facilmente ou que não quero comprar em grandes quantidades para as férias. Alguns exemplos: lentilhas, millet, quinoa, farinha de linhaça, sementes de chia, mistura de sementes, oleaginosas, tâmaras.

Enlatados

Neste artigo falamos mais sobre enlatados apropriados para bebés mas, deixo aqui algumas ideias:

Grão-de-bico ou feijão sem sal (marca Ferbar em pacote)

Molho de tomate (sem açúcar)

Ervilhas ou cenouras

Sardinha em lata sem espinhas e sem pele (procurar uma opção com menos sal possível como a da Poveira ou da marca premium do Continente, já que em Portugal não existem sem sal)

Leite de coco

Para bebés com mais de 12 meses

Com bebés com mais de 12 meses passam a haver mais opções além das que estão descritas em cima

Queijo babybel

Queijo A Vaca que ri

Sanduíches ou wraps

Frutos secos como tâmaras, figos, damascos

Cheerios de aveia (fortificados e com pouco açúcar)

Barras de frutos secos (desde que não tenham oleaginosas ou sementes inteiras ou em pedaços)

Aviso

O conteúdo oferecido no blog comidadebebe.pt é puramente para fins informativos. O comidadebebe.pt não se dedica a fornecer aconselhamento profissional, seja médico ou outro, para usuários individuais ou para os seus filhos ou famílias. Nenhum conteúdo deste site, independentemente da data, deve ser usado como um substituto do conselho de um médico ou profissional de saúde, nutricionista ou especialista em alimentação e alimentação pediátrica. Ao acessar o conteúdo em comidadebebe.pt, reconhece e concorda que aceita a responsabilidade pela saúde e bem-estar de seu filho ou familiar. Em troca de fornecer-lhe uma série de informações sobre alimentação e nutrição infantil, introdução da alimentação complementar e receitas, você renuncia a quaisquer reclamações que você ou seu filho possam ter como resultado da utilização do conteúdo que está no comidadebebe.pt.

%d bloggers like this: