fbpx

Ementa Semanal: #51

A ementa desta semana (semana número 51 de 2020) já está disponível para download. Como a da semana passada tem pequenos-almoços, almoços, lanches e jantares de segunda a sexta.

Ir para ementa.

Esta semana fiquei com muitas coisas no frigorífico para gastar então montei a ementa com base nesses restos de vegetais. Em baixo mostro o processo de fazer a lista de compras.

Os links para as receitas estão todos no final deste artigo. Esta ementa é feita para toda a família (pai, mãe e bebé de 2 anos). Comemos todos o mesmo desde que ela tem 9 meses. Qualquer adaptação que tenha de ser feita para bebés com menos de 12 meses, deixo uma nota em baixo.

Esta ementa é a ementa de toda a família cá em casa. Um bebé de 1 ano normalmente já pode (e deve!) comer a mesma comida que toda a família e por isso estas ementas são aptas para bebés a partir dessa idade. Lembrando que a ideia destas ementas é servirem de inspiração. Pode sempre adaptar à sua família.

Notas sobre o planeamento desta semana

Como sempre a ideia é maximizar o uso de ingredientes e usar coisas que fiz na semana ou semanas anteriores (esta semana tenho pouca coisa no congelador e muita no frigorífico):

Vou usar as ervilhas que tenho congeladas para fazer panquecas e congelar parte das panquecas. São excelentes para ter um almoço/jantar saudável sempre pronto. Também são uma ótima opção para o lanche. Experimente barrar com ricota, ficam deliciosas!

O feijão frade vou fazer e congelar uma parte para usar numa salada em outra semana.

As lentilhas estavam congeladas há duas semanas. Não costumo usar molho de tomate no recheio das empadas, mas não justificaria fazer lentilhas com lentilhas congeladas.

Os vegetais tenho quase todos no frigorífico e preparei a ementa de forma a usar mais rapidamente os que se vão estragar mais depressa.

O que vou cozinhar no domingo:

A sopa de mandioca e alho francês.

Cozer o feijão frade.

Lavar e cortar os tomates para a salada.

O arroz frito chinês com tofu (que vai ser o jantar de domingo).

Deixar a mistura de farinha pronta para fazer os “douradinhos” (faço-os apenas na segunda)

Panquecas de ervilhas que vou fazer e congelar.

Arroz de tomate e coentros que vai ficar no frigorífico.

Molho bbq (conserva bem no frigorífico num recipiente de vidro esterilizado com tampa)

Os espinafres já estão cozidos e congelados e vou usá-los nos canelones

O que vou fazer durante a semana:

Assar os “douradinhos” na segunda-feira.

Fazer os canelones, o frango e o strognoff na quarta-feira.

Assar o entrecosto com a batata doce na sexta-feira

Como me organizo na cozinha para ter menos trabalho

Esta semana preparei tudo de forma a usar os vegetais que tenho no frigorífico. Vou fazer mais do que é habitual durante a semana mas são coisas relativamente rápidas ou que dão pouco trabalho.

Na água que cozo os canelones, faço a massa do strogonoff logo a seguir. Em outra panela refogo o espinafre com cebola e logo a seguir faço o strogonoff de cogumelos sem precisar lavar a panela. Por fim faço o frango no forno. Os canelones também finalizam no forno com bechamel, assim faço tudo ao mesmo tempo

O entrecosto e as batatas são assados no forno durante 30 a 45 minutos. Se tiver tempo, aproveito o forno e faço um bolo para o fim-de-semana seguinte

O pequeno-almoço e os lanches

Esta semana temos o bolo sem açúcar que congelei a semana passada para o lanche da tarde. Vamos ver como ficaram congelados. Também tenho abacates em casa e em um dos dia vou fazer guacamole com palitos de cenoura e bolachas de milho para o lanche e no outro um mousse de abacate e cacau adoçado com tâmaras que ela adora. Não temos o hábito de comer sobremesa e para ser honesta prefiro oferecer “doces” fora das refeições para evitar o comer a refeição para chegar à sobremesa.

O lanche da manhã é sempre fruta como sempre. Se ela tiver comido pouco ao pequeno-almoço também adiciono um queijo Babybel ou frutos secos (que corto em pedaços pequenos).

Os fins-de-semana

Este fim-de-semana vamos fizemos uma adaptação de rendang (usei muito menos malaguetas que a receita original e não usei sambal, porque é muito difícil de encontrar), que é uma espécie de caril Indonésio. É uma carne feita em especiarias e leite de coco servida com arroz de coco. Pode ver a receita aqui. Também repeti e melhorei a receita de arroz doce sem açúcar que tinha feito a semana passada. Pode ver a receita aqui.

Ementa da semana # 51 (de 14 a 18 de Dezembro):

Na ementa desta semana temos (com links para as receitas):

Arroz frito com tofu

Tofu cortado em cubos e marinado como explicamos neste artigo. Num wok, refogo cebola, alho cenoura em cubos em azeite. Adiciono o tofu e um pouco da marinada. Deixo o tofu ganhar cor. Depois adicionar 2 ovos, mexer, adicionar aos vegetais e tofu, adicionar o arroz, deixar fritar um pouco e adicionar molho de soja.

Para bebés com menos de 9 meses ou que ainda não façam o movimento de pinça, oferecer o tofu em tiras compridas da largura de 1 dedo. Servir com bolinhos de arroz e vegetais (sem soja).

Douradinhos caseiros, vinagrete de feijão frade e banana

A receita dos douradinhos pode encontrar aqui. O vinagrete faço com feijão frade, cebola roxa, tomate, milho e coentros. Tempero com azeite e limão e sirvo com banana grelhada.

Para bebés com menos de 1 ano, fazer o peixe apenas assado e oferecer a salada separada (feijão esmagado e dado numa colher, tomate cortado, milho oferecer mandioca ou não oferecer).

Panquecas de ervilhas com arroz de feijão, tomate e coentros

A receita das panquecas vai ser publicada nos próximos dias, mas ela é feita com ervilhas, ovos e farinha integral.

Para bebés com menos de 1 ano, amassar o feijão e formar bolinhas com o arroz e o feijão ou oferecer numa colher. O coentro precisa estar muito bem picado ou então retirar. Estas panquecas são um alimento excelente para bebés treinarem o mastigar, quer façam BLW ou não.

Canelones recheados com espinafre e ricota. Acompanha com frango grelhado.

Outra receita que vou publicar esta semana. Mas refogo o espinafre picado em cebola, adiciono ricota, leite vegetal e depois recheio os canelones. Levo-os a uma assadeira. Faço um bechamel com o leite vegetal, farinha de espelta e azeite e cubro-os. Asso por 15-20 minutos. Alternativamente pode usar natas.

Para bebés com menos de 1 ano, corte os canelones em tiras ou ofereça outro tipo de massa como rigatoni e ofereça o espinafre e ricota em puré. Frango desfiado e picado, hambúrguer ou em lascas largas e compridas (o bebé vai só chuchar na carne e não comer mas é importante ficar atenta).

Strogonoff de cogumelos com massa e feijão verde

Refogo cebola, alho, folha de louro. Grelho os cogumelos picados. Adiciono salsa e depois natas vegetais. Sirvo com massa integral. Sirvo com feijão verde cozido e temperado com azeite e sal.

Para bebés com menos de 1 ano, retirar um pouco dos cogumelos antes de adicionar as natas vegetais (são processadas e devem ser evitadas antes de 1 ano) e triturar os cogumelos. Misturar à massa ou oferecer à parte numa colher por exemplo. Servir o feijão verde em tiras finas e compridas.

Entrecosto com puré de batata doce roxa e maçaroca de milho

Entrecosto assado no forno a 150 graus durante 2horas. O puré de batata doce roxo faço com batata doce amassada, leite vegetal e azeite. Sirvo com um pouco de alecrim porque combinam muito bem. A maçaroca de milho já está cozida mas asso durante alguns minutos.

Para bebés com menos de 1 ano: O entrecosto é ótimo para bebés pequenos porque eles conseguem agarrar o osso com facilidade e treinar a mastigação. Não é preciso adaptação. O puré de batata doce roxa, prefira fazer com o seu leite ou água. A maçaroca também pode ser oferecida mas precisa fazer um corte na vertical ao longo dos grãos de milho para retirar o formato redondo do milho que representa risco de asfixia.

Sopa de abóbora e alho francês

Esta sopa é deliciosa e muito fácil de fazer. Asso a abóbora e alho francês só para dar cor, depois cozo em água e trituro.

Sopa de beterraba

Uma favorita cá em casa esta sopa é ótima para oferecer cor à refeição do bebé e introduzi-lo a sabores diferentes (a beterraba é amarga e tem um gosto térreo muito característico). Pode encontrar a receita aqui.

Aviso

O conteúdo oferecido no blog comidadebebe.pt é puramente para fins informativos. O comidadebebe.pt não se dedica a fornecer aconselhamento profissional, seja médico ou outro, para usuários individuais ou para os seus filhos ou famílias. Nenhum conteúdo deste site, independentemente da data, deve ser usado como um substituto do conselho de um médico ou profissional de saúde, nutricionista ou especialista em alimentação e alimentação pediátrica. Ao acessar o conteúdo em comidadebebe.pt, reconhece e concorda que aceita a responsabilidade pela saúde e bem-estar de seu filho ou familiar. Em troca de fornecer-lhe uma série de informações sobre alimentação e nutrição infantil, introdução da alimentação complementar e receitas, você renuncia a quaisquer reclamações que você ou seu filho possam ter como resultado da utilização do conteúdo que está no comidadebebe.pt.

Leave a Reply

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo
Follow by Email
%d bloggers like this: