fbpx

Sementes de girassol

Este artigo faz parte do Glossário de Alimentos de A a Z.

As sementes de girassol são um alimento muito nutritivo e podem ser introduzidas a partir dos 6 meses. Mas não ofereça inteiras antes dos 2 anos por representar riso de engasgo. Continue a ler para ver como oferecer as sementes de girassol a bebés.

Isto é válido também para pães com sementes. Porque esses pães têm sementes inteiras, evite a oferece-los antes dos 2 anos.

As sementes de girassol são fonte de gorduras boas, proteínas e fibras. São especialmente ricas em vitamina E e selénio. Mas também têm uma lista grande vários outros nutrientes: várias vitaminas do complexo B (incluindo folato que é tão importante para grávidas e bebés pequenos), manganês, cobre, zinco, magnésio e ferro.

Curiosidade

A partir de que idade pode oferecer sementes de girassol ao bebé?

A partir dos 6 meses ou quando o bebé já tiver todos os sinais de prontidão. As sementes inteiras representam risco de engasgo por isso ofereça trituradas em farinha ou manteiga e misturadas ao iogurte, papas ou sopas.

A manteiga de sementes ou oleaginosas não pode ser oferecida sozinha (na colher por exemplo), nem em grandes quantidades no pão, uma vez que podem formar uma massa na boca e representam alto risco de engasgo.

As sementes de girassol podem causar alergia?

Não. A alergia às sementes de girassol é bastante rara. No entanto, em teoria, qualquer alimento pode causar alergia. Por isso, comece sempre por oferecer uma quantidade pequena e evolua gradualmente.

Representa risco de engasgo?

Sim. As sementes inteiras, assim como as oleaginosas representam risco de engasgo. No caso das sementes, o risco está presente até aos 2 anos. Como cada bebé é único, a partir dessa idade, avalie se o seu filho está pronto para começar a comer sementes inteiras e nunca o deixe comer sem supervisão, em andamento ou enquanto brinca.

Veja mais sobre os cortes e texturas dos alimentos neste artigo.

Como introduzir as sementes de girassol ao bebé

BLW:

Há duas formas de introduzir as sementes de girassol ao bebé, que são iguais tanto em BLW como na introdução convencional:

Trituradas

Em forma de manteiga

Triture as sementes num processador de cozinha até obter uma farinha. Guarde essa farinha num frasco de vidro com tampa no frigorífico. Depois adicione um pouco dessa farinha às sopas já trituradas do bebé, às papas ou a preparos como panquecas, muffins, bolos, pataniscas ou hambúrgueres.

Se continuar a triturar as sementes depois de obter a farinha, vai obter uma manteiga de sementes de girassol. Este processo demora alguns minutos. Depois essa manteiga pode ser misturada a iogurtes ou papas. Também pode ser barrada em panquecas ou fatias de pão. Certifique-se sempre que adiciona uma camada muito fina de manteiga. As manteigas de oleaginosas ou de sementes podem formar uma massa dentro da boca do bebé e por isso representam risco de engasgo.

Continue a oferecer as sementes de girassol trituradas ou em manteiga até o bebé ter 2 anos. A partir daí, e dependendo do bebé, pode começar a oferecer as sementes inteiras. Nessa altura já pode misturar as sementes às saladas, vegetais assados, arroz, ou mesmo no pão.

Introdução convencional:

A forma de introduzir as sementes de girassol é exatamente a mesma que em BLW. Sempre trituradas ou em forma de manteiga e misturadas às sopas, purés ou papas.

Quando o bebé começar a comer a comida da família, pode adicionar as sementes trituradas ao arroz, às saladas, aos vegetais. Ou mesmo em preparos como pataniscas, panquecas, bolos e muffins. Não introduza sementes inteiras antes dos 2 anos (em alguns bebés pode até ser mais tarde).

Veja receitas com sementes de girassol aqui.

Fontes:

Ukleja-Sokołowska, N., Gawrońska-Ukleja, E., Żbikowska-Gotz, M., Bartuzi, Z., & Sokołowski, Ł. (2016). Sunflower seed allergy. International journal of immunopathology and pharmacology

USDA – FoodData Central

Aviso

O conteúdo oferecido no blog comidadebebe.pt é puramente para fins informativos. O comidadebebe.pt não se dedica a fornecer aconselhamento profissional, seja médico ou outro, para usuários individuais ou para os seus filhos ou famílias. Nenhum conteúdo deste site, independentemente da data, deve ser usado como um substituto do conselho de um médico ou profissional de saúde, nutricionista ou especialista em alimentação e alimentação pediátrica. Ao acessar o conteúdo em comidadebebe.pt, reconhece e concorda que aceita a responsabilidade pela saúde e bem-estar de seu filho ou familiar. Em troca de fornecer-lhe uma série de informações sobre alimentação e nutrição infantil, introdução da alimentação complementar e receitas, você renuncia a quaisquer reclamações que você ou seu filho possam ter como resultado da utilização do conteúdo que está no comidadebebe.pt.

Leave a Reply

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo
Follow by Email
%d bloggers like this: