fbpx

Crepes de espinafres recheados

Neste artigo ensinamos a fazer crepes de espinafres (crepes verdes) e damos-lhe uma receita de crepes recheados salgados para o segundo prato. Esta receita é para bebés a partir dos 8/9 meses, excluindo o queijo e o sal.

Ir para receita.

Crepes são muito mais do que pequeno-almoço. São um alimento versátil, que pode ser tanto doce ou salgado e nesta versão salgada, adicionamos espinafres frescos para acrescentar mais nutrientes à refeição do bebé.

Estes crepes de espinafres são super nutritivos e sem lactose e podem ser oferecidos ao bebé logo no início da introdução da alimentação complementar, por volta dos 8/9 meses1.

São também facilmente adaptáveis para a lancheira das crianças: Só precisa rechear com queijo de barrar ou uma fatia de queijo e enrolar. Também congelam muito bem (e descongelam muito rapidamente) e assim tem sempre crepes prontos no congelador para um almoço ou jantar rápido ou para o lanche da escola. Esta receita rende 8 crepes. Para fazer suficiente para congelar só precisa duplicar ou mesmo triplicar a receita.

Crepes de espinafres

Receita

Rende 8 crepes

Ingredientes

1 ovo

1 chávena de folhas de espinafre fresco2 (100g)

1 chávena de leite de amêndoas

1 chávena cheia de farinha de espelta integral3

2 colheres de sopa de farinha de espelta integral adicionais (opcional)

Pitada de sal (apenas para bebés acima de 12 meses)

Modo de preparo

Se ainda não tem o leite de amêndoas pronto:

Demolhar as 1/2 chávena de amêndoas em água a ferver por 15-30 minutos.

Descartar a água.

Bater as amêndoas com 1 chávena de água no liquidificador. Coar e reservar.

Para os crepes:

Num liquidificador (pode usar o mesmo do leite e nem precisa lavá-lo!) triturar 1 chávena de leite de amêndoas com o espinafre e o ovo.

Quando o espinafre estiver totalmente triturado, passar o líquido para um bowl e adicionar a farinha peneirada aos poucos.

Opcionalmente pode triturar tudo no liquidificador.

Para grelhar os crepes:

Usar uma frigideira anti-aderente e untá-la ligeiramente com azeite4.

Com uma concha de sopa, retirar a mistura de crepe e adicionar ao meio da frigideira já quente e ir inclinando a frigideira para espalhar a mistura uniformemente pela panela.

Notas:

1 Mesmo fazendo BLW é aconselhado esperar-se até aos 8 ou 9 meses para dar ao bebé receitas mais elaboradas como estes crepes, panquecas, bolos sem açúcar, croquetes. É importante que o primeiro mês ou dois meses da introdução alimentar sejam feitos com alimentos na sua forma mais natural possível.

2 Pode usar qualquer tipo de espinafres (neo zelandês, folha larga, espinafres baby). Também pode escaldar o espinafre se preferir, mas precisa garantir que retira toda a água. Se for necessário adicione mais farinha.

3 Para uma versão sem glúten pode usar farinha de aveia sem glúten, farinha de trigo sarraceno ou farinha de arroz integral.

4 É muito importante que a frigideira seja anti-aderente, caso contrario os crepes vão agarrar-se à frigideira e desfazer-se.

Crepes de espinafres recheados depois de saírem do forno

Crepes de espinafres recheados

Nesta versão, fazemos os crepes recheados com frango. Usamos peito de frango do campo, cogumelos e legumes. Para versão vegan adicione mais cogumelos e omita o queijo ralado ou use queijo ralado vegan, levedura nutricional ou pão ralado no lugar do queijo1.

Receita

Ingredientes

Para fazer o frango:

1 embalagem de peito de frango do campo

2 folhas de louro

1 dente de alho

1 cenoura

1 colher de chá de cúrcuma em pó

Sal a gosto

Água

Para os crepes:

Água da cozedura do frango

1 cebola média

1 cenoura média

1 alho francês

1 chávena de cogumelos shitake2

1 colher de sopa de azeite

1/2 chávena de manjericão picado

1/2 colher de chá de cúrcuma

1/2 colher de chá de alho em pó

1 pitada de nós moscada

Sal e pimenta preta

Queijo parmesão (excluir para bebés com menos de 12 meses)

Sal

Molho béchamel vegan de castanhas (ver receita aqui)

Modo de preparo

Frango:

Numa panela de pressão, adicionar o frango, a cenoura cortada grosseiramente, o dente de alho inteiro, folhas de louro, temperos e água suficiente para cobrir o frango e deixar dois dedos acima.

Cozer 20 minutos depois da panela ganhar pressão.

Desligar, retirar a pressão, coar o frango e reservar a água da cozedura.

Voltar a pôr o frango na panela, fechá-la e com as duas mãos abanar a panela vigorosamente durante alguns minutos. O frango vai ficar completamente desfiado.

Recheio:

Picar a cebola, o alho francês e os cogumelos.

Ralar a cenoura.

Numa panela média, adicionar o azeite e a cebola. Refogar.

Quando a cebola estiver dourada, adicionar o alho francês e refogar por mais alguns minutos.

Adicionar a cenoura e os cogumelos e cozinhar até estar macio.

Adicionar 1 ou 2 colheres de sopa da água da cozedura do frango.

Quando os legumes estiverem feitos, adicionar o manjericão picado, o frango desfiado e mais água da cozedura do frango se necessário.

Montar os crepes:

Cada crepe leva 2 a 3 colheres de sopa de recheio. Para bebés e crianças pequenas faça crepes menores com 1 colher de sopa (ou menos) de recheio.

Num prato dispor o crepe, adicionar o recheio no meio. Cobrir com a metade do crepe que está mais próxima de si e apertar. Enrolar o crepe.

Dispor os crepes numa assadeira.

Cobrir com o molho béchamel.

Ralar queijo parmesão por cima.

Assar no forno pré-aquecido a 180 graus por 20 minutos ou até estar dourado por cima.

Notas:

1 Versão vegan: Usar 1 embalagem de cogumelos de 500g. Alternativamente pode usar metade cogumelos e metade grão de bico. Só precisa esmagar grosseiramente o grão (é importante que tenha pedaços e não fique um puré). Para o molho ganhar crosta no forno pode usar levedura nutricional, pão ralado, uma mistura dos dois ou usar queijo parmesão vegan, mas confirme sempre a lista de ingredientes antes de oferecer ao seu bebé.

2 Nesta receita usamos cogumelos shitake, mas pode usar qualquer cogumelo: branco, castanho, portobello ou uma mistura de cogumelos.

Aviso

O conteúdo oferecido no blog comidadebebe.pt é puramente para fins informativos. O comidadebebe.pt não se dedica a fornecer aconselhamento profissional, seja médico ou outro, para usuários individuais ou para os seus filhos ou famílias. Nenhum conteúdo deste site, independentemente da data, deve ser usado como um substituto do conselho de um médico ou profissional de saúde, nutricionista ou especialista em alimentação e alimentação pediátrica. Ao acessar o conteúdo em comidadebebe.pt, reconhece e concorda que aceita a responsabilidade pela saúde e bem-estar de seu filho ou familiar. Em troca de fornecer-lhe uma série de informações sobre alimentação e nutrição infantil, introdução da alimentação complementar e receitas, você renuncia a quaisquer reclamações que você ou seu filho possam ter como resultado da utilização do conteúdo que está no comidadebebe.pt.

Leave a Reply

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo
Follow by Email
%d bloggers like this: