fbpx

Esta mousse de manga é deliciosa, cremosa e não leva açúcar – nenhum tipo de açúcar! Além disso é muito fácil de fazer!

Esta mousse leva apenas três ingredientes: manga, iogurte grego e gelatina. É uma opção deliciosa de sobremesa ou para oferecer ao lanche. Para uma versão vegan, pode fazer com iogurte de coco sem açúcar e usar ágar-ágar no lugar da gelatina.

A partir de que idade o bebé pode comer gelatina?

A gelatina é essencialmente um aminoácido que vem do colágeno do tecido conjuntivo animal e do osso (porco e vaca). É útil para fazer gomas, gelatina, mousses e muitas outras receitas, uma vez que dá textura às receitas. Segundo o site feedinglittles.com, a gelatina também pode ajudar a promover a saúde das articulações, da pele e dos intestinos. Apenas uma colher de sopa tem 11 gramas de proteína, por isso é uma fonte de proteína potente para aqueles que lutam para obter o suficiente deste macronutriente essencial. No entanto é importe notar que a deficiência de proteína é rara em países desenvolvidos.

Esta informação é muito difícil de encontrar. No entanto acredito que como em tudo na alimentação infantil, praticar moderação é a chave. Talvez evitar incluir gelatinas naturais (folha ou em pó) antes dos 24 meses e depois oferecer ocasionalmente. Se o orçamento permitir, procure gelatinas de alta qualidade. Alternativamente pode usar agar-agar ou goma guar como alternativa.

Atenção que as gelatinas prontas de supermercado – aquelas em pó para misturar na água – não deviam fazer parte da alimentação de bebés ou crianças. Elas são apenas açúcar e corantes. Infelizmente, nos menus de muitas creches as gelatinas entram na ementa a partir dos 12 meses.

Como substituir por ágar-ágar

O ágar-ágar, ou kanten japonês, é uma gelatina vegetal derivada de algas marinhas e muito utilizada para substituir a gelatina na culinária vegetariana e vegan. Cá em Portugal costumamos encontrar em mercados biológicos e vem quase sempre em pó.

Há algumas coisas a ter em consideração, quando usar ágar-ágar:

O ágar-ágar precisa ser dissolvido em água a ferver, enquanto a gelatina pode simplesmente ser dissolvida ou amolecida (se for folha) em água fria. Mais precisamente, o ágar-ágar dissolve a 85 graus.

O ágar-ágar solidifica mais rapidamente do que a gelatina e não precisa de refrigeração.

É preciso menos ágar-ágar do que gelatina para solidificar a mesma quantidade de líquido.

É preciso menos ágar-ágar do que gelatina para solidificar líquidos. A regra costuma ser: 1 colher de chá de ágar-ágar em pó ou 1 colher de sopa de ágar-ágar em flocos solidifica 1 cup (240ml) de líquido. O rácio para 240ml é: 1 colher chá de ágar-ágar em pó (2gr) é equivalente a 1 colher de sopa ágar-ágar em flocos (5g) é equivalente a 1 colher de sopa de gelatina em pó (5gr) é equivalente a 3 Folhas de Gelatina (6g).

Adaptação para bebés +6 meses:

BLW / Introdução convencional: Faça o puré de manga e misture ao iogurte grego. Não precisa usar gelatina ou ágar-ágar.

Receita

Serve 2 (pode duplicar ou mesmo triplicar a receita)

Ingredientes

1 mangas pequena/média madura

1 iogurte grego

1 folha de gelatina (2gramas de gelatina ou a quantidade equivalente de ágar-ágar)

Modo de preparo

Hidratar a folha de gelatina como vem na embalagem. Se estiver a usar ágar-ágar, dissolver em água a ferver nas quantidades especificadas na embalagem.

Triturar a manga.

Se usar gelatina: levar o puré de manga a fogo médio-baixo. Adicionar a folha de gelatina e mexer até dissolver completamente e deixar arrefecer.

Se usar ágar-ágar: Misturar o ágar-ágar dissolvido ao puré de manga.

Adicionar o iogurte e levar ao frigorífico.

Esta mousse é uma alternativa deliciosa às mousses que levam leite condensado. Para uma mousse mais doce, escolha uma manga mais doce. E lembre-se que, se a sua filha ou filho teve contacto igual com alimentos ácidos, amargos e doces, ela não vai ter preferência por sobremesas doces, como a maior parte de nós (a nossa geração foi muito exposta e desde cedo a açúcar). Leia mais sobre o açúcar na alimentação do bebé neste artigo.

Aviso

O conteúdo oferecido no blog comidadebebe.pt é puramente para fins informativos. O comidadebebe.pt não se dedica a fornecer aconselhamento profissional, seja médico ou outro, para usuários individuais ou para os seus filhos ou famílias. Nenhum conteúdo deste site, independentemente da data, deve ser usado como um substituto do conselho de um médico ou profissional de saúde, nutricionista ou especialista em alimentação e alimentação pediátrica. Ao acessar o conteúdo em comidadebebe.pt, reconhece e concorda que aceita a responsabilidade pela saúde e bem-estar de seu filho ou familiar. Em troca de fornecer-lhe uma série de informações sobre alimentação e nutrição infantil, introdução da alimentação complementar e receitas, você renuncia a quaisquer reclamações que você ou seu filho possam ter como resultado da utilização do conteúdo que está no comidadebebe.pt.

%d bloggers like this: